logo_desktop
CONHEÇA O GRUPO O Grupo
  • Acessibilidade
  • A
  • A
  • A
  • Portal Educacional
Portal Educacional

O que está procurando?

Buscar

Conheça o grupo

Faça o Login

Usuário
Senha

Sobre o curso

Coordenador(a) Coordenador de curso


  • Modalidade Presencial
  • Tipo de curso Bacharel
  • Duração 10 semestres

Carreira

Onde ele poderá atuar?

  • Atuar em todos os níveis de atenção á saúde, integrando-se em programas de promoção, manutenção, prevenção e recuperação da saúde, sensibilizados e comprometidos com o ser humano, respeitando-o e valorizando-o;
  • Manipular medicamentos em geral e dispensar especialidades farmacêuticas em todos os tipos de Estabelecimentos Farmacêuticos para atender às prescrições médicas, odontológicas e veterinárias;
  • Realizar procedimentos relacionados à coleta de material para fins de análises laboratoriais e toxicológicas;
  • Atuar no desenvolvimento e operação de sistemas de informação farmacológica e toxicológica para pacientes, equipes de saúde, instituições e comunidades;
  • Interpretar e avaliar prescrições;
  • Formular e produzir medicamentos e cosméticos em qualquer escala;
  • Pesquisar, produzir, controlar e dispensar produtos homeopáticos;
  • Atuar na promoção e gerenciamento do uso correto e racional de medicamentos, em todos os níveis do sistema de saúde, tanto no âmbito do setor público como do privado;
  • Gerenciar laboratórios de análises clínicas e toxicológicas;
  • Atuar em equipes multiprofissionais de saúde visando o bem-estar da comunidade;
  • Participar de atividades de extensão comunitária, independente ou de modo integrado com os demais cursos da área da saúde na FIMCA.
  • Responsabilizar-se pela guarda, controle de entorpecentes e produtos equiparados, dentro dos estabelecimentos farmacêuticos e hospitalares, anotando sua venda e consumo, para atender aos dispositivos legais;
  • Supervisionar a produção e orientar a análise de produtos farmacêuticos acabados, em fase de elaboração, ou de seus insumos, valendo-se de métodos químicos, físicos e biológicos para verificar a qualidade, teor, pureza e quantidade de cada elemento;
  • Supervisionar e assessorar a análise física e química de embalagens, recipientes e invólucros dos medicamentos a fim de evitar que os mesmos alterem suas características farmacodinâmicas;
  • Supervisionar, produzir e realizar análise de soros e vacinas em geral e outras substâncias, valendo-se de métodos laboratoriais para controlar sua pureza, qualidade e atividades terapêuticas;
  • Supervisionar, orientar e executar análises físicas, químicas e biológicas da água, emitindo parecer sobre sua potabilidade e minerabilidade;
  • Fazer estudos farmacodinâmicos, utilizando síntese de novos fármacos;
  • Orientar e executar a síntese de novos fármacos e extração de princípios ativos de produtos naturais;
  • Executar e responsabilizar-se pela análise bromatológica e pela produção de alimentos e produtos dietéticos em entidades oficiais e particulares, valendo-se de métodos químicos, físicos e outros, para garantir o controle de qualidade, pureza, conservação e homogeneidade no resguardo da saúde pública;
  • Executar e responsabilizar-se pela produção, manipulação, análise e estudo de reações e balanceamento de fórmula de cosméticos, utilizando métodos químicos, físicos, estatísticos e experimentais, a fim de obter produtos de higiene individual e ambiental, de proteção e embelezamento;
  • Fiscalizar, bem como supervisionar farmácias, drogarias, estabelecimentos químico-farmacêuticos, indústrias de alimentos, de soros e vacinas, de produtos opoterápicos, quanto aos aspectos sanitários e técnicos, fazendo visitas periódicas e autuando os infratores, se necessário, a fim de orientar seus responsáveis no cumprimento da legislação vigente;
  • Assessorar autoridades superiores, preparando informes e documentos sobre legislação e assistência farmacêutica, a fim de sirvam como subsídios para elaboração de ordens de serviço, portarias, pareceres e outros;
  • Responsabilizar-se pelo transporte e requisição de produtos químicos explosivos de usos em estabelecimentos farmacêuticos e laboratoriais;
  • Assessorar os médicos em pesquisas clínicas humanas, de medicamentos, fornecendo-lhes subsídios farmacológicos e bioquímicos;
  • Assessorar e supervisionar a elaboração de relatórios, de monografias de novos medicamentos para o seu licenciamento, bem como orientar e redigir bulas e manuais sobre produtos, fornecendo subsídios científicos.
  • Perceber o laboratório clínico como elemento indispensável na aquisição e manutenção de um estado saudável para toda pessoa.
  • Ser capaz de integrar-se em um laboratório clínico, como profissional do mesmo reunindo, inclusive embasamento ético para essa atividade;
  • Manter sempre o interesse técnico-científico, estando atualizado com relação aos novos métodos laboratoriais, instrumentos e produtos;
  • Orientar na escolha adequada do exame laboratorial para fins de diagnóstico das diversas doenças;
  • Realizar pesquisas, montagens e implantação de novos métodos de análises, procurando orientar seu trabalho para as peculiaridades da região na qual o profissional está inserido e para a comunidade com a qual convive;
  • Executar e responsabilizar-se pela análise médico-legal de peças anatômicas, substâncias suspeitas de estarem envenenadas, utilizando métodos e técnicas químicas, físicas e especiais, para emissão de laudos periciais.

Atividades Acadêmicas

TCC

O TCC visa orientar os alunos no desenvolvimento de um projeto e construção de um trabalho a ser defendido na conclusão do curso, respectivamente. Esta metodologia permitirá um aprofundamento nos conhecimentos nestas áreas, promovendo um maior envolvimento com as atividades de pesquisa; além de possibilitar melhores chances de sucesso profissional para o futuro egresso, dada a qualidade de formação propiciada pelo desenvolvimento do TCC.
O TCC apresenta, portanto, um caráter de aprofundamento acadêmico, embora traga contribuições para o sucesso profissional, diferindo metodologicamente do estágio, complementar o processo de ensino/aprendizagem.

Entre as modalidades de Trabalho de Conclusão de Curso, o acadêmico de Farmácia das Faculdades Integradas Aparício Carvalho – FIMCA deverá elaborar e defender Artigo Científico.

A IES oferecerá em forma de cartilha para todos os alunos as Normas Técnicas que deverão ser adotadas na construção do TCC. Ainda, o acadêmico de Farmácia poderá contar com o auxílio do Manual do Aluno, que foi projetado e escrito pelos docentes do curso, baseado no perfil do acadêmico e nas necessidades de formação. Tendo como finalidade disponibilizar alguns conceitos e normatizações referentes ao trabalho que se elabora ao final da graduação, bem como os caminhos para a construção de tal pesquisa e estruturação do trabalho como um todo.
Estágios:

Estágio supervisionado em farmácia comunitária e magistral, Estágio supervisionado em farmácia comunitária e hospitalar e oncológica, Estágio em Industria de alimentos, água e nutrição parenteral, Estágio em Analises clinicas e Estagio em farmácia clínica e atenção farmacêutica.

Atividades Complementares

As atividades complementares são componentes curriculares que possibilitam o reconhecimento, por avaliação, de habilidades, conhecimentos e competências do aluno, mesmo que adquiridas fora do ambiente escolar, incluindo a prática de estudos e atividades independentes, transversais, opcionais, de interdisciplinaridade, especificamente nas relações com o mundo do trabalho e com as ações de extensão junto à comunidade.

São componentes curriculares enriquecedores e implementadores do próprio perfil do discente, sem que se confundam com estágio curricular supervisionado.

Os componentes curriculares podem ser aproveitados porque circulam em um mesmo currículo, de forma interdisciplinar, e se integram com os demais conteúdos realizados (Parecer CNE/CES / de 18/02/2004). As atividades complementares do curso de Farmácia das Faculdades Integradas Aparício Carvalho – FIMCA deverá ter duração mínima de 200 horas, em modalidades que contemplem:

  • Ensino
  • Pesquisa
  • Extensão

Quanto à diversidade, serão considerados como válidos as atividades complementares descritas a seguir:

  • Participação como ouvinte em atividades científicas: congresso, simpósio, ciclo de conferências, debate, workshop, jornada, oficina, fórum, seminário, e outras modalidades;
  • Cursos de extensão, aperfeiçoamento, aprofundamento e complementação dos estudos;
  • Visitas técnicas;
  • Estágios extracurriculares em iniciação científica;
  • Apresentação de trabalho em evento científico com ou sem publicação;
  • Publicação de resumo em anais ou em revista científica;
  • Cursos básicos ou de nivelamento;
  • Participação de trabalho em ação social, comunitária ou extensionista;
  • Cursos de língua estrangeira;
  • Organização de exposições e seminários de caráter artístico ou cultural, que tenham relação com os objetivos de formação do curso;
  • Atividades de prática profissional, como monitoria acadêmica;
  • Participação de projeto relacionado à Empresa Junior das Faculdades Integradas Aparício Carvalho – FIMCA;
  • Instrutor em minicursos, oficinas ou palestrante;
  • Outras atividades não contempladas, mas que possam ser consideradas importantes na complementação da formação acadêmica.

Para aproveitamento dessas atividades, o acadêmico deverá apresentar certificado de participação, que venha com o nome do estudante, bem como a quantidade de horas. Nos casos de publicações, serão aceitos cópia da publicação com timbre/identificação da revista.

De forma geral (atividade presencial ou a distância) cada documento comprobatório será contabilizado em no máximo 25 horas. Os cursos online e EAD não poderão exceder 20% da carga horária total das atividades complementares, ou seja, igual a 40 horas.

Alunos especiais (transferidos de outras IES) terão automaticamente convalidadas as atividades complementares desenvolvidas no curso anterior, desde que atenda integralmente regulamento. Somente serão consideradas as atividades complementares realizados durante período que o acadêmico esteja matriculado em curso de graduação.

Atividades de extensão

Atividades desenvolvidas no projeto castanheira que tem como objetivo proporcionar a comunidade os serviços farmacêuticos que são ofertados pela instituição com a colaboração de acadêmicos e professores.
SEIFAR (Semana de Integração Farmacêutica), a SEIFAR tem como objetivo proporcionar aos alunos a interação entre os períodos letivos com amostra cientifica com exposição de projetos desenvolvidos pelos acadêmicos, minicursos, palestras e gincana (a gincana tem objetivo de arrecadar alimentos que serão revertidos a comunidade carente).

Egressos

Qual será o perfil do egresso depois de passar pela FIMCA?

O profissional formado em Farmácia pelas Faculdades Integradas Aparício Carvalho – FIMCA será capaz de compreender os conhecimentos técnicos e científicos da área e deles se apropriar de maneira contínua, utilizando-os de forma crítica e competente, para atuar nas diversas modalidades de organizações e na sociedade de modo responsável, ético e solidário. Portanto, o Curso de Farmácia apresenta um perfil que incorpora competências e habilidades e que busca formar um profissional que possua:

  • Perceber seu papel de agente de saúde comprometido com a construção de uma sociedade mais justa e solidária.
  • Assumir a responsabilidade técnica em estabelecimentos comerciais farmacêuticos e cosméticos.
  • Realizar a fiscalização sanitária e técnica de estabelecimentos comerciais farmacêuticos e cosméticos;
  • Prestar assistência farmacêutica, compreendida como o processo que envolve as atividades de planejamento, produção, seleção, programação, aquisição, armazenamento, distribuição, prescrição, dispensação e utilização de medicamentos;
  • Orientar profissionais de saúde, pacientes e a comunidade, em geral, sobre medicamentos, alimentos e exames laboratoriais;
  • Planejar e gerenciar os processos de serviços farmacêuticos em indústrias de medicamentos e alimentos, laboratórios clínicos, farmácias e outras unidades de prestação de serviços;
  • Realizar, interpretar e controlar a qualidade dos exames clínico-laboratoriais e toxicológicos;
  • Atuar em equipes multiprofissionais, de forma inter e transdisciplinar contribuindo para a promoção da saúde e melhoria da qualidade de vida dos pacientes de sua região;
  • Atuação em órgãos de regulamentação e fiscalização do exercício profissional e da aprovação, registro e controle de fármacos, medicamentos, cosméticos e correlatos;
  • Exercer a docência de nível médio e superior;
  • Realizar a fiscalização sanitária e técnica de estabelecimentos comerciais farmacêuticos e cosméticos.

Coordenação e Corpo Docente

Sobre

  • Titulação: Mestre

Currículo

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.

Última atualização 08 de novembro de 2019

Porquê na FIMCA

Qual o diferencial do curso

O curso de farmácia possui um perfil generalista onde o acadêmico consegue desenvolver habilidades para atuar nas diversas áreas de atribuição farmacêutica como: Análises clínicas e toxicológicas, farmácia comunitária, farmácia magistral, farmácia hospitalar e oncológica, nutrição parenteral também possuímos estágio na área veterinária onde o aluno adquira habilidades tanto no cuidado com o medicamento como analista clinico no ramo veterinário.

Quais laboratórios específicos foram usados e podem ser durante o curso

Nossa instituição conta com laboratórios de anatomia e fisiologia, química, bioquímica, microbiologia e micologia, parasitologia, imunologia, hematologia e microscopia, farmacotécnica e cosmetologia, analise de agua e alimentos

O que acontece no curso

Solicitar minha Inscrição

Nome
Seu melhor email
Celular